16.3.08

Poem ...




Para atravessar contigo o deserto do mundo
para enfrentarmos juntos o terror da morte
para vêr a verdade perder o medo
ao lado dos teus passos caminharei

Por ti meu segredo
minha rápida noite
meu silêncio
minha pérola redonda e seu oriente
meu espelho, minha vida, minha imagem
e abandonarei os jardins do paraíso

Cá fora á luz sem véu do dia duro
sem os espelhos vi que estava nua
e ao descampado se chama tempo

Por isso com teus gestos me vestiste
e aprendi a viver em pleno.

Sophia de Mello Breyner, in, «Livro Sexto»
Pintura: Klimt

3 comentários :

Angell disse...

Que belo poema de amor! :))

Também gosto das pinturas de Klimt! "O Beijo" é uma delas!

Bjs, linda!

H4rdDrunk3r disse...

Adoro Klimt e adoro Shopia. Vi muitas das obras dele no Belvedere em Viena e... é qualquer coisa mesmo!

Bj****

RV disse...

minhas queridas:

gosto mt do Klimt tb e lembrar-me da sua postura de vida é trazer p a nossa mta coragem e vontade no q se acredita,

bjs