26.6.09

Da imortalidade


A imortalidade é assim, de repente surgem as memórias entre amigos, festas, episódios da adolescência, entre outras coisas mais. Hoje relembrei as conversas que tive tantas vezes com a minha mãe sobre a morte de um rei da música, no caso dela o Elvis, o curioso é que a vida tanto naquela altura quanto nesta tem sempre a mesma inevitabilidade a diferença está apenas na hora e e forma de desfecho.
O melhor será aproveitar...sempre!

4 comentários :

Dantins disse...

Morreu o homem, fica a estrela eterna!

rv disse...

é isso mesmo! bjs

kitty-san disse...

Fui noutro dia a uma festa de aniversário e foi-nos pedido previamente para escolhermos uma música do vasto reportório do Michael e foi precisamente esta música que escolhi, uma das minhas fav´s de sempre.

rv disse...

e minha tb,

obrigada pela visita bjs